Bandeira do Rio de Janeiro
5 (100%) 1 voto

A bandeira do estado do Rio de Janeiro é um dos símbolos oficias do estado brasileiro do Rio de Janeiro.

Foi instituída pela lei estadual nº 5.588, de 5 de outubro de 1965 para a utilização a uma cor, e com as cores oficiais, conforme disposto na citada Lei.

Bandeira do Rio de Janeiro

O autor do projeto do brasão e da bandeira foi o Dr. Alberto Rosa Fioravanti, a pedido do então Governador do Estado, o General Paulo Torres.





Durante o período do Império no Brasil, a então província do Rio de Janeiro utilizava um pavilhão náutico, bem semelhante à atual, porém sem um brasão e com o retângulo superior esquerdo em azul, de maneira informal.

Após a criação do estado do Rio de Janeiro com a constituição de 1891, foi aproveitada a antiga bandeira provincial, com mudança na posição dos quartos azuis e brancos, e com a adição do brasão estadual.

Até 1937, quando o Governo Vargas proibiu simbologias estaduais através da Constituição de 1937, o Rio de Janeiro utilizou bandeira e brasão bastante similares, conforme descrito na legislação do brasão do estado do Rio de Janeiro.

No ano de 1947, após a edição de nova constituição estadual e a autorização para o uso de símbolos por estados e municípios pela Constituição de 1946, retorna a antiga bandeira a uso, até o ano de 1965, com a edição da supracitada lei, que regulamentou e regularizou o uso daquele pavilhão.

Bandeira do Rio de Janeiro Significado das Cores

As cores azul e branca representam, respectivamente, o mar e a paz. No brasão, o café e a cana-de-açúcar simbolizam a importância da atividade agrícola no estado; as serras, o pico Dedo de Deus (formação geológica da Serra dos Órgãos) e a águia, o governo forte e honesto.

Bandeira do Rio de Janeiro Para Colorir

Bandeira do Rio de Janeiro Para Colorir